Escritas do fundo do mar

17
Fev 09
Os dias são todos iguais, excepto quando não são. Hoje é um dia igual aos outros, com o mesmo horário, com o mesmo trajecto, com o mesmo emprego, com a mesma crise, com a mesma alegria e com todos os mesmos dos outros dias. No entanto, é um dia completamente diferente dos outros todos. É diferente porque hoje não só penso em ti, como nos outros dias, mas porque escrevo só para ti para te dizer o que penso em todos os dias que não o faço.

És o meu ídolo! E aos verdadeiros ídolos devíamos dizer todos os dias a admiração que temos por eles, o quanto gostaríamos de os imitar, o quanto invejamos os seus pensamentos e ideias, o quanto os amamos e o quanto idolatramos as pegadas que deixam na vida. Mas não dizemos. Deixamos tudo guardado na gaveta de um móvel de lassidão e de certeza diária…

Mas hoje digo. Digo e repito em voz escrita nas asas do vento para que se sopre por toda o lado. Grito nas entrelinhas da alma, com a força do sentimento conquistado em batalhas de crescimento. Escrevo em tábuas de passado a mensagem do presente. Canto na alegria da celebração toda a tua existência e consistência. Danço na memória do amanhã ao homem que sempre foste.




Foram árduos os caminhos que nos trouxeram aqui e que nos fazem (agora) sorrir na tranquilidade do que sabemos. Apertamos as mãos de certeza, sem surpresa, e contentes da envolvência seguimos no mergulhar das vontades.

Para que todas as memórias naveguem na direcção do amanhã, deixo plantada esta árvore escrita para celebrar este dia tão especialmente igual a todos, mas em que fica a marca da comemoração de mais um dia especial.

Parabéns Rei Leão!
Bilhetado por Brunorix às 12:56

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
21

22
23
24
25
26
28


BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
Encontrar Bilhetes