Escritas do fundo do mar

24
Nov 08

Terceira, e última, parte deste livro de estreia do Clube de Leitura do Bilhete de Ida. Agora que Tordo, isto é Ismael, termina a sua busca, chega-nos a primeira certeza: que pena chegar ao fim! Independentemente de qualquer análise ou opinião, este é sem dúvida um livro que deixa saudade e um ligeiro travo a lamento por não haver mais história.

Física e psicologicamente debilitado, o herói persegue a sua obsessiva procura por algo que não precisava procurar mais, a não ser por ele próprio. Esta viagem externa ao seu interior, quase lhe custou a vida e deixou-o marcado para toda. A leitura dos cadernos de Samuel e o desenrolar da teia…

Esta será a altura ideal para opinar a parte (terceira) e o todo. Quanto de autor se sente nesta “Memória”? Afinal, quem matou Fran Sakovski? O cruzar de histórias: o narrador e o fadista. Terá o final (co)respondido ao que se procurava?

Não perca a resposta a estas e outras questões, num Bilhete Comentado perto de si!






Bilhetado por Brunorix às 10:45

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
14
15

22


30


BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
Encontrar Bilhetes