Escritas do fundo do mar

30
Jun 09
Quando a doçura do meu sono foi violentada pela chegada que se impunha, com o inegável e incontornável facto de que já eram horas de levantar, as salgadas notícias do rádio cheiravam a morte.

Os cinco destaques do sumário noticioso incluíam: a primeira morte de uma jovem em Espanha contaminada pelo vírus da gripe A (H1N1) – e vai um, a queda de um avião da companhia aérea Yemenia – mais 150 mortos, a explosão de dois vagões com GPL num comboio de mercadorias em Viareggio (Itália) – e vão mais 15, uma notícia qualquer sobre o benfica – e vão mais uns quantos e por fim a retirada das tropas americanas do Iraque.

Isto dá a tenebrosa quantia de 3 (ou 4) em 5 notícias, ou seja, qualquer coisa entre 150 a 200 mortos, o que para um acordar tem muito que se lhe diga. Sou eu que tenho andado desatento ou anda a morrer-se muito?!



Bilhetado por Brunorix às 16:39

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
17
20

21
25
27

28


BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
Encontrar Bilhetes