Escritas do fundo do mar

17
Jun 08

Sentidas
Sofridas
Vividas

Fazem da voz a emoção
Trazem do fundo imensidão
E do mínimo dão saudade
Se neste vazio nosso ecoa
Um suspiro que se apregoa
Parece ser teu de verdade



Criadas
Mareadas
Detestadas

Se do lugar faço lamento
E se respiro cada momento
Não faço da dor intenção
Porque da luva calço certeza
E da bandeira se portuguesa
Orgulho da ida emoção



Certas
Concretas
Discretas

Sinto no descanso da ansiedade
O deitar desta minha vontade
O silêncio de uma noite sozinha
Não faz da procura paixão
Nem alvitra confortos de razão
Mas é toda tua e toda minha



Bilhetado por Brunorix às 01:39

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

19
21

23
24
26
28

29


BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
Encontrar Bilhetes