Escritas do fundo do mar

23
Abr 08
Não é que eu não sinta todos os dias como assim sendo, mas foi a data encontrada internacionalmente e eu não posso deixar de me juntar à efeméride!

A leitura é um fenómeno tão simples, quanto ter papel e um conjunto de caracteres ordenados de uma determinada maneira. A magia está no poder que essa ordenação transmite e a capacidade que tem de nos fazer sonhar, sentir, viajar, pensar “apenas” com a força do impacto das palavras na nossa cabeça! Os livros limitam-se a abrir caminhos no nosso pensamento, a força de os sentir está em nós.

E o cheiro?! O maravilhoso cheiro que as casas livradas (cheias de livros) têm! E folhear?! O prazer indescritível de tocar as páginas de um livro na vontade de ler com os dedos. Só o facto de olhar para uma estante cheia de livros já é reconfortante.

Não há originalidade na escrita de intenções deste post, mas há o transmitir de uma paixão que se quer intensa e partilhada. Quem escreve, primeiro lê! E se escrevo o que penso é porque leio o que partilho. Não posso negar a influência que as leituras têm na escrita de cada um, mas posso pedir a todos que leiam, leiam muito! Leiam até não conseguirem ler mais. E mesmo quando isso acontecer, peçam a alguém que vos leia em voz alta!

E neste dia tão especial pela comemoração, mas que devia ser igual a todos os outros pelo hábito, não deixem de comprar um livro, de começar um e continuar outro, de oferecer e receber também. Eu, já recebi o meu!




Obrigado pela partilha da certeza, pela lembrança do gesto e pela ternura da paixão! É nosso para ter e guardar, para partilhar e desfrutar, para sentir e querer mais…


Bilhetado por Brunorix às 11:22

Não podemos morrer cedo, está visto! Feliz Dia do Livro! f
Anónimo a 23 de Abril de 2008 às 13:09

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
15
16

20
25
26

27


BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
Encontrar Bilhetes