Escritas do fundo do mar

16
Out 08
Estou de volta e resoluto. Enquanto fermento no pensamento e no desejo, a minha paixão literária, - que neste momento se resume a ler e a tirar cursos de escrita criativa – vou fazer o possível por contribuir para o difundir desta paixão.

Não pretendo ser original e muito menos inovador, mas seguindo uma sugestão estrelar, vou iniciar aqui no Bilhete de Ida um clube de leitura. Coisa modesta, destinada aos poucos (mas bons!) que por aqui passam e que vai servir, sobretudo, para podermos partilhar o gosto pela leitura e o prazer pela discussão dos diferentes (ou iguais) pontos de vista.

Confesso que a ideia está um bocado verde, e nem sei se o funcionamento é viável, mas vamos por partes:

1 - Escolher uma obra de 3 que vou sugerir, ali na votação ao lado
2 - Marcar uma periodicidade para trocarmos as ideias (através dos comentários ao post) – talvez semanal
3 - Dividir o livro por partes em função dessa periodicidade
4 - Basta uma pessoa que queira ler (ou reler) o livro, para a ideia avançar
5 - Os posts relativos ao Clube ficarão com a etiqueta Clube de Leitura. Quem quiser saber o que está para trás, basta consultar a referida etiqueta
6 - Ninguém precisa de se identificar para comentar – basta ler o livro em causa
7 - Outras instruções/ideias, vamos discutindo ao longo do caminho


Como qualquer democracia (controlada!) alguém tem que tomar decisões e os pontapés de saída têm que ser dados pelos idiotas. Por isso, a minha escolha recai nos seguintes livros:


1- A Tábua de Flandres – Arturo Pérez-Reverte

Como admirador confesso deste escritor, e por ter lido todos os seus livros, escolho este por ser o meu preferido dele. A qualidade de escrita é inegável, mas este livro, em particular, aprisiona-nos numa vontade incontrolável de o ler de uma só vez.




2 – Hotel Memória – João Tordo

Pela surpresa da descoberta, já referida anteriormente, pela qualidade que reconheço na sua escrita, porque ainda não li este livro (mas já o comprei!) e porque acredito e incentivo os jovens escritores portugueses, aqui fica a escolha número dois. Não por ordem de preferência, mas porque no meio está a virtude!




3 – Ensaio Sobre a Cegueira – José Saramago

Palavras para quê?! Um prémio Nobel, um português… mais o filme e toda a polémica americanóide. Talvez o menos "fácil", mas também quem sabe o mais merecido. Tinha que estar na lista!




A votação vai ficar aberta durante duas semanas. Finda a mesma, farei a divisão do livro e a distribuição pela periodicidade escolhida. Depois… é só comentar, comentar, comentar! Aceitam-se criticas, ideias, sugestões, incentivos, palavrões e outros ões!


Declaro oficialmente aberto o Clube de Leitura do Bilhete de Ida!

Bilhetado por Brunorix às 17:02

Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
14
15
18

19
25

26


Bilhete Radiofónico

 

BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
BLIHETES PUBLICADOS

 

 

 

Encontrar Bilhetes