Escritas do fundo do mar

09
Jul 08

Trabalhar. Escrever. Pensar… Sentir o calor das férias a soprar na vontade inversa de fazer o que tem que ser. Sonhar com o lá fora, suspirando de contrariedade. E na verdade?!

Na verdade, sentimos a praia da vontade a marear na obrigação contrária do desejo. E se vejo?! Se vejo, desespero das veias ar puro de partida numa contenda fugida. As paredes engolem o espírito do viajante, num grito constante de liberdade não permitida.

As obrigações impelem as circunstâncias no sentido da direcção e urticam da pele a partida longínqua. Ansiar pelas próximas paragens no autocarro de todos os dias, torna o trajecto penoso e esburacado.

Curtas as palavras de hoje, vencidas pela obrigação do que não apetece. Nem sempre acontece…



Bilhetado por Brunorix às 18:33

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
16
19

20
22
24
26

27
29


Bilhete Radiofónico

 

BILHETE`S DIVER
EMÍLIO DO BILHETE
bilhetedeida@gmail.com
BLIHETES PUBLICADOS

 

 

 

Encontrar Bilhetes